Como se tornar um Pentester?

Picture of vantico

vantico

Como se tornar um pentester?

Conforme cresce a necessidade por cibersegurança nas organizações, aumenta também a demanda de profissionais qualificados na área. 

Existem diversas especializações e cargos ligados a esse campo, e um deles é o de Pentester. Esse é o profissional responsável por executar ativamente um pentest, detectando vulnerabilidades e falhas de segurança. 

Confira abaixo tudo que precisa saber sobre essa profissão. 

O que faz um Pentester? 

Quem atua como Pentester é responsável por planejar, executar e relatar resultados de testes de intrusão (pentests) solicitados por empresas e organizações de qualquer tipo.  

Esses testes podem ser realizados em diversos tipos de aplicações, tais como redes internas e externas, cloud, mobile, APIs e outros, e com diversas finalidades. 

O objetivo é identificar qualquer tipo de vulnerabilidade à segurança e integridade da empresa, evitando ciberataques, vazamento de dados e outros prejuízos. 

Para isso, o profissional usa ferramentas automatizadas e técnicas manuais, o que mostra a necessidade do desenvolvimento de um conjunto de habilidades técnicas e interpessoais. 

Algumas das atribuições dos Pentesters são: 

  1. Criar planejamentos e escopos de trabalho para seus projetos;
  2. Executar ativamente testes de intrusão, identificando vulnerabilidades;
  3. Classificar a criticidade das vulnerabilidades entre baixa, média, alta e crítica;
  4. Analisar os resultados encontrados, oferecendo insights e recomendações de segurança;
  5. Apresentação de reports para equipe, gestores ou diretoria;
  6. Comunicar-se com a empresa sobre o andamento do projeto;
  7. Atualizar-se sobre as novas técnicas de hacking identificadas diariamente.

É claro que existem outras, que irão depender do tipo e objetivo de cada teste. No caso dos pentests voltados para compliance, por exemplo, surge a necessidade de realizar operações específicas que sigam o que é exigido pela norma. 

Quais são as habilidades necessárias? 

Habilidades de um Pentester

Imagem: soft e hard skills para Pentesters. 

Pelas principais atribuições que mencionamos no tópico anterior, já é possível identificar a importância das soft e hard skills. As principais são: 

Hard Skills 
  • Habilidade de ler e escrever códigos de programação;
  • Proficiência em linguagens de programação como Python;
  • Fundamentos de Redes;
  • Habilidade com ferramentas e frameworks de pentest;
  • Conhecimento em criptografia.
Soft Skills 
  • Perfil analítico, com habilidade em prever e resolver problemas;
  • Comunicação assertiva;
  • Habilidades interpessoais;
  • Agilidade e capacidade de trabalhar sob pressão;
  • Ética e integridade.

Por onde começar? 

Para começar, caso ainda não tenha, é interessante ter uma base teórica na área de tecnologia – seja uma graduação, curso técnico ou similar –, como em programação, engenharia da computação, cibersegurança, TI e outros. 

Depois disso, é importante se qualificar cada vez mais, obtendo certificações relevantes, como OSCP (profissional certificado em segurança ofensiva), e investindo em cursos de especialização, como de reverse engineering, criptografia, resposta a incidentes, e em pentest para tipos de ativos. 

Já as soft skills, assim como qualquer outra habilidade, também podem ser desenvolvidas. Portanto, investir em cursos ligados a elas, como em comunicação assertiva e não-violenta, é um grande complemento para o currículo. 

Como ganhar experiência? 

Como em qualquer outra profissão, é importante estar munido de conhecimento prático, além do teórico. Entretanto, o início pode ser difícil e todos nós precisamos começar de algum lugar. 

Uma das formas de fazer isso é através do Bug Bounty: um tipo de programa de recompensas, em que o profissional analisa determinado ativo para encontrar bug e riscos de segurança, sendo bonificado ao final. 

Aqui Vantico, por exemplo, nós mencionamos nossos parceiros do Programa de Bug Bounty em nosso hall da fama, além de oferecer brindes e recompensas exclusivas. Clique aqui para conhecer todas as condições e benefícios. 

 

Ser Pentester é um grande desafio, afinal, envolve estar constantemente atualizado sobre técnicas de hacking, particularidade de ativos e outras informações que se transformam quase que diariamente. 

Mas, ao mesmo tempo, é um cargo dinâmico e satisfatório, com muitas oportunidades de crescimento profissional. 

 

Se quiser fazer parte da comunidade de Pentesters da Vantico, clique aqui para falar com nossa equipe 

veja também

Outros conteúdos sobre Segurança Cibernética